quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

O Pablo foi solto

Ontem, soltamos o Pablo, lindíssimo gato preto e feral (como convém). Fotos da largada, não há. A única tentativa sucedida apanhou apanas a ponta da cauda! Estava mesmo mortinho por voltar ao seu sítio e nos ver pelas costas. Mas agora sem dores, nem buracos na boca (nem tintins).
Sê feliz, Pablo!

2 comentários:

ladymary disse...

Boa sorte Pablo, ainda bem que te trataram da saúde... Goza a vidinha e cuida-te. Carinhos para sempre...

Rute disse...

Agora pode ser feliz sem dores :D